Batatais registra mais uma morte por dengue e chega a duas vítimas em 2022

Batatais registrou mais uma morte por dengue e agora já são duas as vítimas fatais da doença em 2022. O novo óbito aconteceu no dia 13 de maio e teve a confirmação da causa nesta terça-feira (17). Trata-se de um homem de 87 anos.

A morte de outro paciente batataense, de 63 anos, segue em investigação para confirmação ou descarte da dengue como causa principal.
A cidade de Batatais já soma, em 2022, 721 casos confirmados de dengue.

Dados da Secretaria Municipal de Saúde da manhã desta terça mostram que houve o registro de 855 notificações relacionadas à doença: além dos 721 exames positivos, outros 113 são casos suspeitos, 20 deram negativo e um paciente ainda não realizou o exame.

COMBATE

Forças-tarefa envolvendo as secretarias de Saúde –com agentes comunitários da Atenção Básica e equipe de Controle de Vetores–, de Obras, Planejamento e Infraestrutura de Batatais e do Meio Ambiente têm percorrido os bairros da cidade em mutirões realizados aos sábados para controle da dengue e combate a focos do mosquito Aedes aegypti.

No entanto, afirma a secretária de Saúde de Batatais, Bruna Toneti, o combate à dengue depende de atitudes individuais e a doença só existe e circula porque há na cidade o mosquito transmissor, que se reproduz na água parada. “O momento é de a população se unir na luta para romper o ciclo de transmissão da doença”, disse.

A dengue é uma doença possível de ser evitada com alguns cuidados básicos, dentro e fora de casa.

Fonte: Semusa

Comentários

Captha *