Preço do leite sobe 22% na prévia da inflação julho e acumula alta de 57% no ano

O preço do leite longa vida subiu 22% na prévia da inflação de julho e acumula alta de 57% no ano.

O item foi o que mais influenciou a alta de 0,13% do Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) deste mês, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para medir a inflação oficial oficial do país.

Com isso, os derivados do leite também tiveram aumento, como o requeijão (4,74%), manteiga (4,25%) e queijo (3,22%).

O preço do leite costuma subir durante a entressafra, que vai de abril até junho, de acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). É quando o clima mais seco prejudica a disponibilidade e a qualidade das pastagens.

Contudo, neste ano, os produtores tiveram mais dificuldades de lidar com a entressafra por causa da alta nos custos de produção efeitos do fenômeno La Ninã, que provoca uma redução das chuvas no Sul do país e as aumenta no Centro-Norte.

Os insumos que mais estão pesando para o produtor são a ração — por causa da valorização no mercado de grãos, os suplementos minerais, os fertilizantes e o combustível. Além disso, o aumento das exportações de grãos e a queda na disponibilidade interna também pressiona os preços.

Fonte: g1
Foto: Internet

Comentários

Captha *